Calculadora de custo total anual de inventário

Calculadora de custo total anual de inventário

Calculadora de custo total anual de estoque é uma ferramenta que ajuda as empresas a planejar e otimizar suas estratégias de gerenciamento de estoque.

Calculadora de custo total anual de estoque é uma ferramenta que ajuda as empresas a planejar e otimizar suas estratégias de gerenciamento de estoque. O gerenciamento adequado de estoques é importante para aumentar a lucratividade dos negócios e otimizar a eficiência operacional. Esta calculadora ajuda as empresas a avaliar e melhorar sua estratégia de estoque.

Ao usar a Calculadora de custo total anual de estoque on-line, você pode calcular inserindo: Demanda, Quantidade do pedido, Custo por unidade, Custo anual de retenção e armazenamento por unidade de estoque e Custo de pedido de planejamento/Custo de configuração.

 


 

Demanda
Quantidade do pedido
Custo por unidade
$
Custo anual de manutenção e armazenamento por unidade de estoque
$
Custo da ordem de planejamento/custo de configuração
$
Partilhar por e-mail

    4 Número de cálculos utilizados hoje
    Adicionar ao seu site Adicionar ao seu site

     


    TC = (D \times C) + \left(\frac{Q}{2} \times H\right) + \left(\frac{D}{Q} \times S\right)

    As variáveis usadas na fórmula são:

    • TC: Custo total anual do estoque
    • D: Demanda
    • C: Custo por Unidade
    • P: Quantidade do pedido
    • S: Custo do pedido de planejamento/custo de configuração
    • H: Custo anual de manutenção e armazenamento por unidade de estoque

     

    Como calcular o custo total anual do estoque?

    O Custo Anual Total de Estoque é a soma do custo de manutenção, custo de pedido e custo de falta de estoque em um determinado período. Esses custos são geralmente calculados com a seguinte fórmula:

    Custo total anual de estoque = Custo de manutenção de estoque + Custo de pedido + Custo de escassez

    Métodos de cálculo de cada um desses custos:

    1. Custo de manutenção de estoque: Este é o custo de armazenamento, proteção e gerenciamento de estoque durante um determinado período. Esse custo geralmente inclui o custo de armazenamento dos produtos em estoque, custo de seguro, custo de transporte e custo de aluguel do espaço de armazenamento. O custo de manutenção de estoque geralmente é calculado com base em fatores como quantidade de estoque, custos de armazém e custos fixos para um determinado período.
    2. Custo do pedido: Este é o custo pago pelo processo de realização de um pedido. Este custo inclui todos os custos necessários para processar, transportar e receber a encomenda. O custo do pedido é calculado com base em fatores como o custo do processo de pedido, a quantidade do pedido e a frequência do pedido.
    3. Custo de escassez: Este é o custo incorrido quando um produto está fora de estoque. O custo de escassez pode incluir fatores como insatisfação do cliente, perda de vendas, custos de remessa emergencial, bem como impactos na reputação e competitividade da empresa. O custo de escassez é calculado com base em fatores como a duração da escassez de estoque, a demanda do produto e o custo de soluções alternativas.

    O Custo Anual Total de Estoque é calculado como a soma desses três custos e é usado como um indicador importante para as empresas planejarem e otimizarem suas estratégias de gestão de estoque.

    Qual é o custo total anual do estoque?

    O custo total anual de estoque é a soma de todos os custos relacionados ao estoque de uma empresa em um determinado período. Esses custos geralmente incluem custos incorridos no armazenamento, gerenciamento, pedido e escassez de produtos em estoque.

    O custo total anual de estoque é uma métrica importante para gerenciar efetivamente o estoque e otimizar a lucratividade do negócio. Esse custo é a soma de fatores como custo de manutenção de estoque, custo de pedido e custo de escassez.

    Importância do custo total anual do estoque

    O custo total anual de estoque é um conceito importante para as empresas e é importante por uma série de razões importantes:

    • Avaliando o desempenho financeiro: O Custo Total Anualizado de Estoque é usado para avaliar a eficácia das estratégias de gerenciamento de estoque da empresa. Os baixos custos de estoque geralmente melhoram o desempenho financeiro do negócio, enquanto os custos elevados podem impactar negativamente a lucratividade.
    • Uso em processos de tomada de decisão: As empresas desejam obter vantagem competitiva minimizando os custos de estoque. Portanto, as empresas confiam nos cálculos do custo total anual de estoque ao desenvolver estratégias de gerenciamento de estoque.
    • Otimizando os níveis de estoque: O custo total anual de estoque ajuda as empresas a otimizar seus estoques. Embora o custo do excesso de estoque possa ser alto, o excesso de estoque acarreta custos de escassez que podem impactar negativamente a satisfação do cliente e as vendas.
    • Determinando Políticas de Pedidos: Usando cálculos do custo total anual de estoque, as empresas determinam as quantidades e frequências de pedidos apropriadas. Isso lhes permite manter os níveis de serviço e, ao mesmo tempo, minimizar os custos de estoque.
    • Eficiência e Controle de Custos: Fazer com que as empresas monitorem e gerenciem os custos de estoque pode melhorar a eficiência operacional e manter os custos sob controle.

    Por estas razões, é importante que as empresas compreendam e gerenciem o Custo Anual Total de Estoque para obter uma vantagem competitiva e aumentar o seu sucesso financeiro.

    Estratégias para reduzir custos de estoque

    Para reduzir os custos de estoque, as empresas podem implementar as seguintes estratégias:

    Otimização de estoque: É importante adotar as estratégias corretas de gerenciamento de estoque para otimizar os níveis de estoque. Isso ajuda a minimizar os custos de escassez e de manutenção de estoque, ao mesmo tempo que reduz os custos de manutenção de estoque em excesso.

    Reduzindo a frequência do pedido: Reduzir a frequência e as quantidades dos pedidos pode reduzir os custos dos pedidos e os custos de manutenção de estoque. No entanto, é importante determinar a quantidade e a frequência corretas do pedido, pois pedidos muito baixos podem levar a custos inesperados de escassez.

    Melhorias na cadeia de suprimentos: A comunicação e colaboração eficazes em toda a cadeia de abastecimento garantem que o stock esteja disponível no momento certo e na quantidade certa. É importante colaborar com os fornecedores para otimizar os processos de pedidos e os custos logísticos.

    Software de gerenciamento de estoque: O software de gerenciamento de estoque oferece ferramentas valiosas para rastrear, analisar e otimizar o estoque. Usar o software certo é importante para rastrear e gerenciar com eficácia os custos de estoque.

    Melhorias nos Processos de Produção: Melhorar a eficiência nos processos de produção e reduzir os custos de mão-de-obra, materiais e tempo pode reduzir os custos de inventário. É importante otimizar processos utilizando métodos de melhoria contínua.

    Avaliação e Análise: Avaliar e analisar regularmente os custos de inventário é importante para identificar potenciais oportunidades de poupança. As empresas devem revisar continuamente seus processos e estratégias de negócios para reduzir custos de estoque.

    Considerações no cálculo do custo total anual do estoque

    Alguns pontos importantes a serem considerados no cálculo do Custo Anual Total de Estoque são os seguintes:

    Itens de custo de estoque:

    Os itens que cobrem toda a gama de custos de estoque devem ser identificados. Isso geralmente inclui itens como custo de manutenção de estoque, custo de pedido e custo de escassez.

    Cálculo preciso de elementos de custo:

    Cada elemento de custo deve ser calculado com precisão. Por exemplo, ao calcular o custo de manutenção de inventário, devem ser considerados elementos como custos de armazenamento, custos de seguro e custos associados à movimentação de inventário.

    Uso de dados precisos:

    Certifique-se de que os dados utilizados para o cálculo sejam precisos e atualizados. Dados incorretos ou ausentes podem levar a resultados enganosos.

    Revise as políticas de pedidos e estoque:

    É importante revisar as políticas que afetam os custos de estoque, como quantidades e frequências de pedidos. Estas políticas devem ser ajustadas para otimizar os custos de inventário.

    Considerando diferenças sazonais:

    Os custos de estoque geralmente mudam sazonalmente. As mudanças sazonais na demanda, em particular, podem afetar os custos de estoque. É importante levar em conta essas variações.

    Identificando estratégias para otimizar custos:

    O Custo Anual Total de Estoque calculado deve ser usado para avaliar as estratégias de gestão de estoque da entidade. Essas estratégias devem ser definidas para reduzir custos e melhorar a eficiência do estoque.

    Com essas considerações em mente, as empresas podem calcular com mais precisão o custo total anual de estoque e otimizar com eficácia suas estratégias de gerenciamento de estoque.